É a Cyn, entende?

Quem não compreende por que eu gosto de Cyn não a compreende.

Uma pessoa pode não gostar de sua música, de seu estilo – de compor, de cantar, de se vestir – mas o que faz de Cyn uma musa não é a exuberância musical, a capacidade vocal, a indumentária nada convencional. Não só.

O que define e diferencia Cyn é a capacidade de direcionar sua extrema sensibilidade e exótica sensualidade (firme, aos 60 anos) para tudo aquilo que faz. Então, seu magnetismo está na música, mas ambos não são a mesma coisa. É quase como se ela, a música, fosse um veículo para a expressão da ampla individualidade dela, Cyn.

Assim como não foi só a capacidade de atuar que eternizou Sophia Loren, e sim aquele algo mais que ela trasmitia a quem a via nas telas, não é simplesmente a capacidade de compor e cantar que marcam Cyn. É, da mesma forma, um algo mais que se transmite em seu jeito de olhar, de sorrir, de ficar brava, de tocar sem medo no seu público. E também de falar, de dançar e, inclusive, de cantar.

Um algo mais que provoca na gente uma coisa ao mesmo tempo estranha e atraente, uma doce perturbação que desce pela garganta e invade o peito, provocando um frisson esquistíssimo que mistura vontade de chorar, de sorrir, de cantar, de ir lá perto.

Não é preciso ser fã da música de Cyn para captar e entender isso. Só perceber, com cuidado, Cyn, a pessoa (embora eu ache que gostar de sua música seja quase inevitável a partir daí).

Esse algo mais de que falei está bem evidente e é bem forte no famoso e inesquecível “Well, well, well…” de Cyn em USA for Africa (quem é fã sabe do que estou falando).

Esse algo mais, é difícil defini-lo e impossível ignorá-lo. Mais difícil ainda encontrar uma só palavra para ele.

Na falta de outro termo, digamos, mais preciso, eu o chamo de amor.

Tags: , , , , , , ,

  1. Gabriela’s avatar

    Gustavo sempre definindo, com muita clareza, o que sinto pela Cyn. Obrigada por essa preciosidade!

    Responder

Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>