julho 2013

You are currently browsing the monthly archive for julho 2013.

Tenho certeza de que o cara lá do outro lado trata você desse jeito, aos trancos e barrancos, porque não vê sua face, sua cara, seu jeito. [ continua ]

Tags: , , , , , ,

A propaganda da Honda vai bem, bem filmada, bem interpretada pela locutora em off, bem pensada na proposta criativa: o sujeito que era visto como “engomadinho” passa a ser percebido como um homem interessante [ continua ]

Tags: , , , , , , ,

Você quer vender? Eu quero.

Quero vender, propor, seduzir, convencer. Quero argumentar e encantar, a ponto de fazer o sujeito do outro lado pôr a mão no bolso e comprar o que eu estou oferecendo – sabendo o que vai comprar

Quero vender, sim, e daí? [ continua ]

Tags: , , , , , , , , ,

Mesmo quem acredita na separação total entre corpo e alma, sendo a alma “elevada” e o corpo “involuído”, há de convir que é pelo corpo que a alma se expressa aqui neste planeta.

Então, enquanto está por aqui, e pelo menos por motivos práticos, podemos dizer que o corpo e você são a mesma coisa, não? [ continua ]

Tags: , , , , , , ,

Você pode acreditar nos profetas ou não. Pode acreditar em testemunhos ou não. Na ciência juramentada ou não.

Pode acreditar em si mesmo ou não. [ continua ]

Tags: , , , , , ,

Assistir a “O Homem de Aço” foi uma das experiências cinematográficas mais desagradáveis que já tive. Quase saí do cinema antes do fim do filme. E olha que isso só tinha acontecido antes uma vez na minha vida… [ continua ]

Tags: , , , , , , , ,

Tem quem se inspire na enfática defesa da liberdade individual que Mestre Gaiarsa sempre fez para exercitar a falta de cuidado com o outro e o pouco caso com compromissos assumidos.

Não, não funciona assim. [ continua ]

Tags: , , , , , , , ,

O Itaú, de cujas campanhas frequentemente gosto muito, derrapou na concepção e caracterização de um de seus últimos comerciais, que está no ar. [ continua ]

Tags: , , , , , , , , ,

Sobrou pro doutor

Posso estar errado, pois que não sou especialista em políticas públicas, mas acho que as novas regras para a carreira de medicina correm o risco de diminuir o número de médicos. [ continua ]

Tags: , , , , , , , , , , ,

Por que os apresentadores de telejornais agem como se dessem um para o outro a notícia que ambos receberam e selecionaram juntos?

Por que simular esse contar fingido em tom coloquial forçado? [ continua ]

Tags: , , , , , , ,

« Older entries