setembro 2011

You are currently browsing the monthly archive for setembro 2011.

Todo professor sempre terá uma dissidência. Haverá sempre um grupo de alunos que não gosta de você, seja você bom ou não. E a dissidência é boa, porque mantém você afiado e evita a unanimidade, que (aproveito o bom clichê), como disse Nelson Rodrigues, é burra. [ continua ]

Entre as coisas mais vilipendiosas que um ser humano pode fazer, taxar alguém de alguma coisa é uma das piores. Nada mais covarde, preguiçoso e… [ continua ]

Minha recém-amiga Gabi Scala, irmã de paixão por Cyndi Lauper, tuíta. Tuíta muito, às vezes. Às vezes, ela some e eu sinto falta. Mas o ponto é que, dia desses, ela tuitou uma coisa assim:

“Eu simplesmente AMO aquele ‘well, well, well’ que a Cyndi faz em ‘We Are The World’…” [ continua ]

Se um cidadão me chegasse com um pedido desses a resposta só poderia ser uma: nem f… nem ferrando. [ continua ]

Vou provar para você que o inconsciente existe. Quer ver só?

Preste atenção ao contato do seu pé com o chão. Sentiu? Pois é, o seu pé estava em contato com o chão faz tempo, a sensação correspondente também estava, digamos, sempre aí. Mas você estava prestando atenção em outra coisa [ continua ]

Conselho criativo

Faz assim, ó…

Deixe de repetir, mentalmente ou em voz alta, as coisas que você ouviu quando criança. Deixe de tentar entender o mundo classificando as coisas e, sobretudo, as pessoas. Deixe de pensar que “mulher é assim”, “homem é assado”, “gay é de tal jeito”, “pai é pai”, “mãe é mãe”, “filho é filho” [ continua ]

Brave Cyn

Da bela mulher-senhora que canta para mim da TV, do CD ou do computador, eu admiro mais do que a musicalidade, mesmo sendo a exuberância dessa, sua musicalidade, que pavimentou o caminho para eu conhecê-la. [ continua ]

Leio a Veja há muitos anos, não por identificação “ideológica” ou estilística, mas por sua relevância jornalística. É a maior revista semanal brasileira e eu sou publicitário. Leio. Ponto. [ continua ]

Vejo o professor de educação física reposicionar a aluna de ombros pesados na academia, levando em conta só a correta execução do exercício. Paro-o na passagem:

- Você conhece o Gaiarsa? [ continua ]

Tem um negócio assim, principalmente, mas não só, nos telejornais da “emissora líder”: na hora da “cabeça” do jornal, aquela introdução que anuncia as notícias que serão dadas a seguir [ continua ]

« Older entries